Quinta-feira, 14 de Agosto de 2008

Império à Deriva

 

Título Original: Emprire Adrift: the Portuguese Court in Rio de Janeiro, 1808-1821 

Autor: Patrick Wilcken

 

Numa maré de recomendar algumas coisas que vou lendo, lembrei-me deste livro que já li há um ano.

Esta é uma historiografia divertida da presença da corte portuguesa no Brasil, aquando das Invasões Francesas.

Através de uma literatura ligeira, conseguimos apreender dados históricos ao mesmo tempo que nos vamos rindo. Desde os hábitos europeus num clima tropical, às loucuras da rainha D. Maria e aos devaneios de Carlota Joaquina, este livro consegue, de uma forma bem escrita, informar e divertir quem o lê e prender o leitor. Lê-se assim como se lê um romance.

Recomendo.

tags:

publicado por Liliana às 18:45
link do retalho | comentar | adicionar aos melhores retalhos
|
Quarta-feira, 13 de Agosto de 2008

A Rapariga Que Roubava Livros

 

Título Original: The Book Thief

Autor: Markuz Zusak

 

O conhecimento deste livro chegou-me às mãos pelo correio, juntamente com as novidades literárias que recebo da editora. O tema despertou-me a atenção: II Guerra Mundial, judeus, nazis e... livros!

O livro foi classificado como juvenil, mas honestamente discordo dessa categoria.

Assim que comecei a ler assustei-me! A morte é o narrador! Omnisciente e omnipresente. Isso vem na sinopse. Mas despistada como sou, embora necrófoba, passou-me ao lado.

Mas esta Morte é-nos apresentada de forma muito humanizada. Tem sentimentos e carrega o peso dos milhões de almas que carregou durante a guerra.

Gostei do livro. É diferente de uma Anne Frank ou de um Holocausto porque mostra um outro lado. Mostra o sofrimento do povo alemão. O lado humano  e inocente daqueles que sofriam por si e pela compaixão aos judeus. O inimigo é só um: o Fuhrer, Hitler.

Tudo se desenrola em volta da triste história da protagonista, Lisa, a rapariga que roubava livros. Através das personagens são distinguidos os valores humanos e a importância das palavras. 

Para quem gosta deste tipo de livros, relatos romanceados de uma guerra que ainda hoje influência a História e política da Europa, vale a pena. Não pelos dados históricos, mas pela consciência do que ela provocou nas vidas dos alemães inocentes e das relações entre estes e os judeus, para lá do que a História relata.

tags:

publicado por Liliana às 01:02
link do retalho | comentar | adicionar aos melhores retalhos
|
Domingo, 22 de Junho de 2008

BD

 

 

Eh pah! Já nem sei há quanto tempo não lia BD!

Astérix é, sem dúvida, o meu favorito.

tags:

Sexta-feira, 20 de Junho de 2008

A Soma dos Dias

 

Ler "A Soma dos Dias" fez-me consolidar a ideia de que Isabel Allende é das minhas escritoras preferidas.

Este livro de memórias da sua vida e da sua família - a que chama de "tribo"- confirmou a ideia que eu já tinha: as suas personagens são criadas à imagem de si própria e de pessoas que fazem parte da sua vida. Enquanto isso relata,  cada episódio, nas suas memórias, como se de um romance se tratasse.

Não tenho o seu carácter espiritualista e místico. Não acredito em karmas e orixás, mas diverte-me a sua forma de encarar cada episódio e os laços entre as pessoas. Vivas e mortas. 

Mas por outro lado revejo-me nas suas protagonistas, e nela própria, com espíritos de mulheres independentes, lutadoras, obstinadas e apaixonadas. Mulheres determinadas a derrubar obstáculos e de valores fortes. Revejo-me no seu humor. 

Diverti-me imenso a ler o livro. Recomendo-o a todos aqueles que já conhecem algumas das suas obras.  

música: Love in the time of cholera
tags: ,

Terça-feira, 17 de Junho de 2008

Trânsito na Índia

Últimamente ando com alguma dificuldade em escrever. Deve ser uma espécie de pseudo-bloqueio literário! Estou no gozo!

Mas então hoje decidi partilhar o excerto de um livro que ando a ler e que me fez lembrar este vídeo que já há muito circula pela net.

"O Sirinder, o nosso guia e motorista, tinha a perícia e a coragem necessárias para se deslocar entre o trânsito da cidade, evitando automóveis, autocarros, burros, bicicletas e muitas vacas famélicas. (...) Quando dois veículos se cruzavam de frente, os condutores olhavam-se nos olhos e decidiam numa fracção de segundos qual era o macho alfa e o outro dava-lhe passagem. Todos os acidentes que presenciámos envolveram camiões de tamanho semelhante que tinham batido de frente; não devem ter esclarecido a tempo qual era o camionista alfa. Não usávamos cinto de segurança por uma razão relacionada com o karma: ninguém morre antes do seu tempo. E não usávamos as luzes de noite pela mesma razão. A intuição indicava a Sirinder que um carro podia vir em sentido contrário e nessa altura acendia os máximos e encadeava-o."

 

Isabel Allende, in A Soma dos Dias

Descrição da sua viagem à Índia


publicado por Liliana às 21:12
link do retalho | comentar | adicionar aos melhores retalhos
|
Domingo, 8 de Junho de 2008

Feira do Livro de Lisboa

 

Hoje fui finalmente à Feira do Livro. Deixo sempre isso para depois dos meus anos porque já sei que recebo sempre livros e este ano não foi excepção.

Adoro aquilo. Adoro andar no meio dos livros. Adoro o olhar sobre a cidade e a vista para o rio.

Não gostei muito dos novos pavilhões do Grupo Leya, que geraram tanta polémica e atrasaram abertura da feira. São pouco práticos, é difícil movimentarmo-nos, as escadas e rampas dificultam a circulação e o sistema de pagamento gera filas. Mais se parece com a Fnac. Gosto muito mais das tradicionais barraquinhas.

Agora haja tempo para ler os livros.

tags: ,

publicado por Liliana às 20:00
link do retalho | comentar | adicionar aos melhores retalhos
|
Sexta-feira, 30 de Maio de 2008

Harry Potter

 

Finalmente acabei de ler a saga do Harry Potter.

Comecei a ler o Harry Potter quando andava no 9º ano! Ainda me lembro! Estava numa aula de Português, a falar de livros, quando um colega meu falou dele. Ainda o Potter não era famoso. Mas fiquei curiosa com a forma como o Jaba falou do livro e eu devorava tudo o que era livros! Ele emprestou-me o dele. Era ainda a 1º edição, a capa não tinha nada a ver com esta de agora, bem mais comercial. E pronto, passaram-se anos.

Sempre que lia um novo já tinha alguma dificuldade de me recordar dos anteriores. Até porque eles foram sendo editados de forma cada vez mais espaçada. E com o tempo a memória de uma pessoa também já não vai sendo a mesma! Que tristeza!

Em relação a este último, gostei, mas não fiquei maravilhada. Não vou contar pormenores nem desfechos por causa de quem não leu e possa vir a ler. Mas tem muitas voltas inesperadas o que lhe confere a característica comum dos sete livros: prendem-nos. Queremos sempre saber o que vai acontecer a seguir. Mas em várias alturas tive a sensação de estar a ler episódios comuns ao Sr. dos Anéis, ou semelhantes.

Já li por aí que há imensos fãs a pedir a continuação, para que a autora não se fique apenas pelos sete livros. Mas acho que está muito bom assim. Mais do que isto já é forçado.

música: Michael Bublé - Everything
tags:

Sexta-feira, 9 de Maio de 2008

Está a chegar...

 

 Picture by Chema Madoz

... a 78º edição da Feira do Livro de Lisboa. Dia 21 de Maio. Love that!!

tags:

.Retalhos sobre mim


. retalho de perfil

. seguir perfil

. 12 seguidores

.pesquisar nos retalhos

 

.Abril 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13
14

16
17

22
24
25
26
27
28

29
30


.Show Time

.Últimos retalhos

. Império à Deriva

. A Rapariga Que Roubava Li...

. BD

. A Soma dos Dias

. Trânsito na Índia

. Feira do Livro de Lisboa

. Harry Potter

. Está a chegar...

.Mantas de retalhos

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.tags

. todas as tags

.Melhores retalhos

. Vai um tango?

.links

.Visitas ao Retalhos

SAPO Blogs

.subscrever feeds